Empilhadeiras para o setor alimentício

Empilhadeiras para o setor alimentício

O setor alimentício, que inclui tanto a indústria de alimento como de bebidas, é um dos principais motores da economia do país, correspondendo a 15% do total de exportações brasileiras em 2019, e representando quase 10% de todo o PIB.

Hoje o Brasil é o segundo maior exportador de alimentos industrializados do mundo, e para continuar sempre à frente e ocupando esta posição de destaque no cenário mundial, as empresas desse segmento precisam investir continuamente em logística para tornar seus negócios mais ágeis e eficientes.

Por essa razão, hoje trazemos algumas considerações sobre como escolher o equipamento ideal e também a indicação de algumas empilhadeiras.

 ELÉTRICAS E GLP: AS MAIS INDICADAS

Só quem trabalha com produtos alimentícios sabe da extensa lista de obrigações e restrições para as operações. E em se tratando de empilhadeiras, a principal delas é quanto ao combustível utilizado.

EMPILHADEIRAS À GLP: Para transporte de alimentos perecíveis já embalados, em lugares abertos ou fechados (desde que haja ventilação para estar em conformidade com a NR11), você pode utilizar as empilhadeiras movidas à GLP, que é um combustível mais limpo e econômico do que os equipamentos a diesel. Além disso, para pisos mais irregulares elas também são mais indicadas que as elétricas porque possuem, geralmente, mais potência. Um exemplo de empilhadeira é a Still RC44 empilhadeira-still-rc4425-oferta-empilhadeira (imagem). Movida a GLP, este equipamento tem capacidade para levantar cargas de 2,5 a 3 toneladas, a uma altura de empilhamento de mais de 6 metros e tem sendo muito bem aceita pelo segmento alimentício, tanto pela sua eficiência e economia, como também pela possibilidade de financiamentos via FINAME-BNDES, já que são produzidas aqui mesmo no Brasil.

 

EMPILHADEIRAS ELÉTRICAS: Mas se houver legislações mais rígidas quanto à emissão de poluentes ou se tratar de um local fechado e sem ventilação, as empilhadeiras elétricas entram em ação de forma incomparável – afinal, são os únicos equipamentos que não emitem gases poluentes.

Além disso, em muitas empresas do segmento alimentício os corredores de armazenagem são mais estreitos, e as empilhadeiras elétricas se sobressaem por serem mais versáteis para atuarem em espaços reduzidos.

oferta-promocao-empilhadeira-still-fmx-jm-empilhadeirasCitamos com exemplo a Still FMX -NG (foto), empilhadeira elétrica que eleva até 1.000kg a mais de 12 metros de altura e possui controle de velocidade em curvas. Este equipamento é muito versátil e ideal para o setor de alimentos.

Outro modelo é a empilhadeira elétrica com operador em pé EGV 14/16, ideal para corredores de trabalho estreitos, até menores do que 2,5 metros e movimentar os paletes até 5,46 metros de altura.

E por último apresentamos como dica para o setor alimentício a empilhadeira elétrica Still RX50, equipamento que tem excelente capacidade de carga residual, podendo elevar até 1,6 toneladas com um centro de carga de 500mm, e com uma velocidade de até 12km.

Além disso, é claro, é uma empilhadeira elétrica perfeita para aplicação em espaços reduzidos na indústria alimentícia, já que suas dimensões compactas e alta capacidade de realizar manobras permitem a operação em corredores estreitos ou para trabalhos dentro de caminhões e contêineres.

 

AJUDAMOS VOCÊ! Se você atua no segmento alimentício entre em contato AGORA. Temos know-how neste setor e uma ampla variedade de equipamentos que se adequam às necessidades dos seus negócios.

Manutencao preventiva empilhadeiras